5 maneiras de aproveitar ao máximo Jira e Bitbucket integrados

22 outubro 2018 | Artigos, Atlassian

Post originalmente publicado pela Atlassian

Em um estudo recente de equipes de desenvolvimento de software utilizando Jira, descobrimos que aquelas que se integram com o Bitbucket são 14% mais rápidas do que aqueles que não são. Para muitos setores em que o ritmo da mudança é rápido e o mercado é incrivelmente competitivo, é essa velocidade que pode separar excelentes produtos de meros produtos “bons”.

Então como esses times lançam seus produtos mais rapidamente usando Jira e Bitbucket Cloud, enquanto mantém a visibilidade em toda a equipe e garantem que cada lançamento seja de alta qualidade? Confira 5 dicas que eles possuem nas mangas.

1: Deixe as ferramentas manterem sua equipe atualizada

Nós todos entendemos a importância de manter o resto da equipe atualizado sobre o progresso de um trabalho para uma release. Vamos ser sinceros: Isso pode ser um empecilho quando tudo que você quer é focar em terminar o seu trabalho. Então como os times que fazem releases constantes mantém todos atualizados sem sacrificar a velocidade de entrega? Simples: Eles se aproveitam da integração entre Jira e Bitbucket e permitem que os produtos façam a atualização por eles.

Ao criar um branch diretamente da issue do Jira ou ao adicionar a issue chave à qualquer commit, branch ou pull no Bitbucket, um link é criado entre seu código e a issue que você está trabalhando. Esse link significa que sua equipe é mantida atualizada em tempo real automaticamente no Jira enquanto você trabalha e, em conjunto aos triggers de workflow, ações como criar ou aprovar uma solicitação alteram automaticamente o status da issue no Jira também.

Smart commits são outra ótima maneira de manter seu time atualizado enquanto trabalha, permitindo que você comente, logue horas e até mesmo transite uma issue usando suas mensagens de commit.

2: Crie o fluxo perfeito para sua equipe

A frequência de releases do seu time, depende do quão robusto é seu workflow de desenvolvimento e do quão disciplinado o time está em segui-lo. Utilizando a habilidade do Jira para personalizar workflows, é possível mapear o workflow ideal para sua equipe, garantindo melhores práticas e minimizando circunstâncias inesperadas que podem atrasar a entrega. Combinado com as checagens necessárias antes de efetuar um merge no Bitbucket, é fácil implementar um processo que garanta qualidade e assegure que o código é revisado, mesclado, e criado apropriadamente antes de ser implementado para seus usuários.

3: Facilite o entendimento do contexto

Para um desenvolvedor em sua equipe tentando obter contexto em seu trabalho, o processo de alternar entre as ferramentas pode ser lento e trabalhoso.

Os triggers de workflow podem auxiliar seu time a ficar atualizado, mas o que pode ser feito para ajudar um indivíduo a estar a par do que precisa ser feito?

Para equipes que integram Jira e Bitbucket, é mais fácil do que nunca para um desenvolvedor ver ou solicitar informações contextuais da sua equipe pelo Jira dentro do Bitbucket.

A integração permite aos usuários não apenas visualizar uma issue do Jira dentro da interface do Bitbucket, mas também interagir com elas. Adicionar comentários, ver anexos ou fazer edições na própria issue – Tudo isso e mais disponível sem ter de sair da ferramenta.

4: Crie confiança nos seus lançamentos

Confiança é uma peça fundamental em qualquer lançamento. O trabalho foi concluído? O código foi testado e revisado adequadamente? A maturidade do lançamento é importante para garantir a qualidade do seu produto, então como os times que utilizam Jira e Bitbucket fazem suas releases em uma velocidade maior mantendo a qualidade?
O benefício da integração realmente fica em primeiro plano para as equipes que vinculam o código a um problema, pois é fácil obter atualizações em tempo real por meio do painel de desenvolvimento.

Esqueça ter que adicionar comentários a uma issue solicitando uma atualização ou chamar o time no Slack, cada issue mostra tudo que você precisa em um piscar de olhos para melhor entender o quanto falta para sua próxima release estar pronta.

5: Tenha uma visão panorâmica com o release hub

O melhor de tudo: todas as issues relacionadas a um lançamento podem ser vistas no release hub.

O release hub oferece visão ampla e automatizada do quão pronta sua próximo release está, reunindo toda a informação que sua equipe precisa para decidir quando implantar aos clientes.

Tudo começa com a integração

Com as ferramentas certas à sua disposição, releases frequentes sem sacrificar a qualidade da entrega não são coisa de outro mundo. Com as dicas acima junto de muitas outras integrações para seu time tirar vantagem, integrar Jira com o Bitbucket aumentará a velocidade das suas entregas.

Faça a integração agora e teste você mesmo!

Leia mais em:

Atlassian Executive Forum – Review

Na última terça-feira, dia 26, e-Core e Atlassian promoveram mais uma edição do Atlassian Executive Forum. O evento tem como objetivo reunir CIOs e Líderes que utilizam as ferramentas Atlassian, gerando o compartilhamento de boas práticas e soluções que tornam equipes...

Retrospectiva 2018: um ano para ficar na história

Expansão da e-Core Não poderíamos terminar o ano de 2018 sem falar em expansão. Desde março de 2017, quando a e-Core expandiu o espaço da sua matriz na capital gaúcha, o crescimento seguiu de forma constante. Só neste ano, foram mais três novos escritórios,...

Post-mortem Jira Ops

Post publicado pela Atlassian originalmenteGrandes incidentes são inevitáveis, e consertá-los é a principal prioridade para quaisquer equipes de Operações ou DevOps. Mas o que acontece após o serviço ser restaurado? As equipes aproveitam o tempo para entender...

Share This